Aplicabilidade terapêutica da teoria do controle motor dinâmica em neurologia adulto e infantil

Flávia Alves Aquino, Carlos André Barros de Souza, Maria de Lourdes Caldas Barbosa, Rafaela Baggi Prieto Alvarez, Tiene Teixeira Turienzo, Priscila Lanzillota, Érica Bertaglia de Paula

Resumo


A reabilitação neurológica e a contribuição da fisioterapia mudaram consideravelmente nas últimas décadas, uma vez que o desenvolvimento científico e tecnológico permitiu uma maior compreensão dos mecanismos de reorganização cerebral. A ligação entre o organismo e ambiente estão fundamentados em um paradigma sistêmico, aplicado à área de estudo do comportamento motor, sendo necessário o estudo de revisão teórica sobre a aplicabilidade da teoria de controle motor dinamista na fisioterapia neurofuncional. Este artigo tem como objetivo verificar artigos científicos relacionados que descrevem a aplicabilidade intervenções fisioterapêuticas em casos de neurologia infantil e adulto sendo baseados na teoria dinamista. Foram selecionados 18 artigos com texto completo, sendo que 44,44% dos artigos eram pesquisas de campo pediátricas, e 55,55% eram pesquisas neurológicas com adultos. Nas pesquisas pediátricas 87,5 % eram pesquisas utilizando pacientes com paralisia cerebral (PC), em 12,5% eram pacientes com Síndrome de Down (SD). Nas pesquisas com pacientes neurológicos adultos 60% eram pesquisas com pacientes que sofreram acidente vascular encefálico (AVE), 20% com pacientes com Parkinson, 10% que sofrem lesões medulares e 10% com sofreram traumatismo craniano encefálico.Foi identificado que as principais patologias tratadas por meio da aplicabilidade da teoria dinâmica nos artigos foram: PC, SD, AVE, TCE, lesão medular e Parkinson. Também foi identificado que o número de artigos de pesquisa de campo com pacientes adultos foram maiores do que os com pacientes pediátricos. 


Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista UNILUS Ensino e Pesquisa - RUEP

ISSN (impresso): 1807-8850
ISSN (eletrônico): 2318-2083

Periodicidade: Trimestral

Primeiro trimestre, jan./mar., limite para publicar a edição - 31 de maio
Segundo trimestre, abr./jun., limite para publicar a edição - 31 de agosto
Terceiro trimestre, jul./set., limite para publicar a edição - 30 de novembro
Quarto trimestre, out./dez., limite para publicar a edição - 31 de março

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

 

Indexadores

 

Estatística de Acesso à RUEP

Monitorado desde 22 de novembro de 2016.