PERFIL EPIDEMIOLOGICO DOS PACIENTES INFECTADOS PELO HIV COM E SEM CANCER EM UM HOSPITAL PUBLICO NA BAIXADA SANTISTA – SP – BRASIL

Jurandyr Bezerra Freitas, Luiz Henrique Gagliani, Marcos Montani Caseiro, Ana Paula Veiga Rocha Pierre

Resumo


Introdução: Os pacientes infectados pelo HIV têm uma incidência aumentada de neoplasias quando comparados a população em geral, sendo estas consideradas definidoras de doença – AIDS, o sarcoma de Kaposi (SK), o linfoma não Hodgkin de células B, câncer cervical em mulheres e câncer anal em homens.  Estima-se que 25% a 40% dos indivíduos infectados pelo HIV e não tratados desenvolverão uma doença maligna. Uma característica comum destas neoplasias é que se acredita que quase todas sejam causadas por vírus. Objetivo: Avaliar o perfil epidemiológico dos pacientes infectados pelo HIV com câncer. Comparar as características epidemiológicas, clínicas e o desfecho clínico dos pacientes infectados pelo HIV com e sem Câncer. Métodos: Estudo Caso-controle com 81 pacientes, sendo 27 pacientes infectados pelo HIV+ com câncer e 54 pacientes infectados pelo HIV+ sem câncer. As variáveis estudadas foram sexo, idade, raça, contagem de células T CD4, tipos de cânceres associados, desfecho clínico (alta ou óbito), carga virais do HIV encontradas nos prontuários do Hospital Guilherme Álvaro que é público, geral, de ensino e de atendimento terciário. Resultados: Houve predomínio nas duas populações estudadas do sexo masculino, raça branca e faixa etária de 40 a 50 anos, com media de 46 anos. Em ambos os grupos de pacientes infectados pelo HIV ou não; não houve diferença estatisticamente significante das células T CD4 Nadir no momento do recebimento do diagnóstico de câncer, (teste de Fisher) P= 0,07. Em relação a contagem das células CD4 nos pacientes infectados pelo HIV com e sem câncer, observou-se nos primeiros um valor de contagem de células T CD4 maior; no que se refere ao sexo foi observado que no sexo feminino a contagem de células foi menor   em ambos os grupos quando comparados aos valores de células CD4 no sexo masculino. Os cânceres relacionados ao HIV apresentaram se em torno de 55.5 %, e os não relacionados ao HIV 44.5%. A carga viral dos pacientes com HIV e câncer foi maior que do grupo sem câncer, porém não estatisticamente significante. Conclusão: Os pacientes infectados pelo HIV com câncer apresentaram idade maior que 40 anos, contagem de células T CD4 maiores que 200 células/mm3, 44.5 % dos cânceres não relacionados ao HIV. Os cânceres mais comuns são os linfomas não Hodgkin, Sarcoma de Kaposi, câncer de Bexiga, câncer de Pulmão, Colo de útero e câncer de mama. 


Palavras-chave


Epidemiologia. HIV. AIDS. Câncer.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Revista UNILUS Ensino e Pesquisa - RUEP

ISSN (impresso): 1807-8850
ISSN (eletrônico): 2318-2083

Periodicidade: Trimestral

Primeiro trimestre, jan./mar., limite para publicar a edição - 31 de maio
Segundo trimestre, abr./jun., limite para publicar a edição - 31 de agosto
Terceiro trimestre, jul./set., limite para publicar a edição - 30 de novembro
Quarto trimestre, out./dez., limite para publicar a edição - 31 de março

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-SemDerivações 4.0 Internacional.

 

Indexadores

 

Estatística de Acesso à RUEP

Monitorado desde 22 de novembro de 2016.